COLUNISTAS


03/10/2017
FRANCISCO DE ASSIS

Amigo amante da música sertaneja é sempre uma satisfação escrever sobre a nossa música sertaneja.
Hoje o assunto será São Francisco, que é padroeiro de Penápolis.
No final dos anos de 1990, foi gravada uma belíssima canção pela dupla Tião do Carro e Pagodinho, falando de São Francisco, com uma letra bem simples como se fosse um caboclo roceiro na sua humildade proseando com agente.
A letra “Francisco de Assis” assinada por Tião do Carro e José Caetano Erba, tornou-se um hino em homenagem a São Francisco para os sertanejos.
Confira Abaixo:

Francisco de Assis

Sou eu que atravesso pisando mancinho
Na areia branquinha de um velho estradão
As vestes compridas calçando sandálias
Na minha cintura eu levo um cordão
No ombro eu carrego um manso pombinho
Que tem a clareza branquinha de um giz
Eu sou um andante viajeiro do mundo
Eu sou simplesmente Francisco de Assis

Sou eu que visito o cão machucado
Deitado no canto uivando de dor
Ao invés de remédio pro seu ferimento
Apenas derramo um pouquinho de amor

Às vezes me sento ao pé de um barranco
Quem passa na estrada nem olha pra mim
Estou no silencio ai conversando
Com um Louva-Deus na flor do capim
Depois eu retorno pras águas da fonte
E as aves canoras ali vêm se banhar
Estou novamente voando no espaço
E os ventos me levam pras águas do mar

Sou eu que visito o cão machucado
Deitado no canto uivando de dor
Ao invés de remédio pro seu ferimento
Apenas derramo um pouquinho de amor



« voltar

 

» MÚSICA SERTANEJA E A PADROEIRA DO BRASIL

» A MÚSICA SERTANEJA RAIZ NA DÉCADA DE 1940

» NOSSA MÚSICA CAIPIRA NOS ANOS DE 1950

» OS PIONEIROS DA MÚSICA SERTANEJA

» NOSSA VIOLA BRASILEIRA

» A MÚSICA E A VIOLA CAIPIRA

» MÚSICA CAIPIRA OU SERTANEJA?

» O CAUSO DA ARANHA

» NA SAFRA NOVA BRUNA VIOLA

» INOVAÇÕES


« Anterior  1   2   3   4   5   6  Próxima »
Rádio online Ouvinte cadastre-se aqui Radio cadastre-se aqui

Copyright © 2013-2017 Clube do Caipirão todos os direitos reservados